Tratamento de água com carvão ativado em pó/microfiltração cerâmica (PAC/MF) – quando e onde?

Margarida Campinas, Rui Viegas, Catarina Silva, Isabel Sousa, Rosário Coelho, Lizete Costa, Helena Lucas, Maria João Rosa

RESUMO

No projeto LIFE Hymemb foi desenvolvido um protótipo de adsorção com Carvão Ativado em Pó e Microfiltração cerâmica (PAC/MF) que esteve a operar continuamente, durante um ano e meio, na estação de tratamento de água (ETA) de Alcantarilha para demonstrar a eficácia, fiabilidade e eficiência deste processo em particular no controlo de fármacos, pesticidas, cianotoxinas, vírus e protozoários na água para consumo humano. O protótipo aliou a tecnologia de membranas de baixa pressão, a microfiltração com membranas cerâmicas, emergente na Europa mas ainda não utilizada em Portugal, com a adsorção a PAC, aplicado “à medida” da qualidade da água a tratar. Neste artigo apresentam-se os principais resultados operacionais e de qualidade de água tratada que permitem fundamentar as respostas a quando e onde usar a tecnologia PAC/MF. Com o projeto LIFE Hymemb ficou provado que, na eventual presença dos contaminantes na água a tratar, a tecnologia PAC/MF permitirá atingir, com elevada fiabilidade, níveis de qualidade superiores a um tratamento convencional, com consumos energéticos de 0,05 kW/m3 e um gasto total estimado (investimento e operação) em 0,08-0,12 €/m3 para tratar 100000 m3/dia.

Palavras passe: PAC/MF, microfiltração, membranas cerâmicas, LIFE Hymemb, microcontaminantes.

ABSTRACT

Water treatment with powdered activated carbon/ceramic microfiltration (PAC/MF) – when and where?

Considering the current discussion in Portugal about the need to implement economic instruments to improve waste management performance, the correct setting of the incentives assumes a crucial role. The present study analyses the impact of the use of different values to determine the economic incentives for recycling, if policy makers adopt the contingent evaluation methodology. Using a quasi-experimental methodology, this study evaluates the existence of the anchoring effect for the valuation of the incentive to recycle three different types of materials: plastic, glass and paper. Based on the answers obtained from a first questionnaire (from the calibration group) the high and low anchors are determined for the three mentioned materials. Based on the results achieved, conclusion is that an anchoring effect exists in the participants’ indication of the value they would need to receive to recycle. This effect is particularly noticeable in the case of the low anchor and, among the three materials analysed, is felt with greater intensity for glass. Knowing the existence of this type of effect may be useful for using the right incentives, i.e., serving the public interest and contributing for the achievement of higher recycling levels.

Keywords: PAC/MF, microfiltration, ceramic membranes, LIFE Hymemb, microcontaminants

DOI : 10.22181/aer.2017.0202
ISSN : 2184-6049

Login

FAÇA-SE SÓCIO

 

Conheça todos os benefícios
dos nossos associados e faça parte da nossa rede!

Menu